AF&LBN: Animais de estimação

15:33:00




Oi *o* Tudo bem com vocês?
Pois é, demorei mas aqui estou, e voltando logo com o Tema do mês do Alternative Fashion & Lifestyle Blog Network!


Votei no tema do mês pensando já em trazer essa postagem com as outras que marcariam meu retorno, mas como podem ver, não consegui escrever sobre nada além disso. Então, o tema desse mês é: Animais de Estimação.
Aqui em casa temos vários bichinhos. Mas dentre todos, os que mais tenho contato são os cães, então é sobre eles que vou escrever.
Vocês já conhecem a Fada, depois da postagem AF&LBN: Fairy Day ♥ Monólogo sobre fadas e a Fada da minha vida mas o outro foi apenas citado e depois ainda adotamos outro cachorro... Então vamos lá (sigam-me os bons)!

E, do mais velho ao mais novo, aqui estão:




Tomás



Como contei anteriormente, minha mãe tinha uma cadela chamada Petra que deu a luz a 12 cachorrinhos. Dos doze, podemos ficar com apenas dois (o restante foi doado), e meu irmão escolheu o Tomás. Era uma coisa fofa e linda quando pequeno (ainda é) e o maior de todos os irmãozinhos. Era engraçado ver quando ele chegava para mamar e derrubava todos os outros pra escolher qual tetinha queria. Bom, nota-se que é um morto de fome... Uma história recente que ilustra bem isso foi o dia que meu irmão chegou perto dele com um graveto e ele COMEU o graveto inteiro achando que era comida. Depois disso ficou chateado com o meu irmão, achando que tinha dado coisa ruim pra ele comer >.> Também é um troglodita que derruba as pessoas de tão gordo e gigante que é, nem parece o filhotinho que meu irmão brincava dentro de uma caçamba de um caminhãozinho de brinquedo.




Fadinha




Já famosa nesse blog, contei algumas histórias da minha pestinha em uma postagem anterior, mas de novo ela aparece por aqui :D 
A minha Fada já tá velhinha e recentemente passou por uma cirurgia um tanto complicada. Como toda a cadela, quando vai ficando velha, tem certa tendencia a desenvolver câncer, Fadinha não foi diferente ;-; Ela teve alguns carroços nas mamas, que cresceram bem rápido e passamos a correr de um lado pro outro fazendo os exames necessários pra ela passar pela cirurgia de retirada dos tumores e também castrar para que não voltasse a acontecer. No fim, ficou uma cicatriz enorme e que exigiu muitos cuidados no pós operatório, mas aqui está ela, firme e forte, e esperamos que viva mais alguns anos com a gente. Na clínica disseram que ela é uma velhinha bem conservada, com todos os dentinhos e o pelo bonito, provando ser uma vira lata muito bem tratada e amada ( ♥u♥ )
E então, depois de recuperada e alegre, de novo, resolvemos atender a carência que ela mostrava ao ver filhotinhos e adotamos uma filhinha pra ela... 



Dríade 




Eis aqui a filhinha adotiva da Fada. A Dríade (ou Drya) é a pestinha mais linda que passou a alegrar (e bagunçar) a casa inteira. Desde que decidimos encontrar um filhotinho as brigas reinaram aqui em casa, meu pai e meu irmão estavam exigentes demais e tinha um tipo de cachorro em mente. Eu e minha mãe queríamos adotar uma cachorrinha que estivesse precisando urgente de um lar, não importava se ia ser grande, pequena, peluda ou com pelo duro... Depois de vários cãezinhos rejeitados pelo padrão de qualidade (vulgo meu pai e irmão) encontramos duas cadelinhas para adoção aqui na minha cidade, através de um grupo no facebook. Quando chegamos no local, simpatizamos com essa pestinha da foto. Ela tinha uma carinha de pobre coitada apaixonante (mesmo se revelando um monstrinho depois). Chegou até nós com menos de um mês -.- mas se acostumou bem rápido a comer ração e com a rotina da casa. Estava bem judiada, cheia de machucados e pulgas... Até tentei arrumar um lar pra irmã dela (que devia estar na mesma situação) mas no fim não sei como ficou.
Atualmente ela tem dois meses e 14 dias, e tortura a Fadinha como ninguém -q



Então é isso, até a próxima. Beijos <3 


You Might Also Like

0 comentários

Like us on Facebook